<span class="bn">Vento do mar, O</span><span class="as">Lêdo Ivo</span>

Código: 9788577400969
R$ 79,00
Comprar Estoque: Disponível
  • R$ 79,00 Pix
  • R$ 79,00 Boleto Bancário
  • R$ 79,00 American Express, Visa, Diners, Mastercard, Aura, Hipercard, Elo
* Este prazo de entrega está considerando a disponibilidade do produto + prazo de entrega.

TÍTULO:

O vento do mar

RESUMO:

Autor(Lêdo Ivo)
Coedição Academia Brasileira de Letras
ISBN 978-85-7740-096-9
2011, 1ª edição, 312 p., 15,5 x 23 cm, ilustrado


DESCRIÇÃO:

O vento do mar apresenta a vida e a obra de Lêdo Ivo. Aqui estão relatadas a sua procedência geográfica e familiar, e a trajetória literária desde a adolescência em Maceió, que ele converteu numa cidade mítica, até os dias atuais.

O convívio com grandes figuras da literatura brasileira, como Graciliano Ramos, Manuel Bandeira, Jorge de Lima, Austregésilo de Athayde, Augusto Frederico Schmidt, Murilo Mendes, Afonso Arinos de Melo Franco, José Lins do Rego, Cornelio Penna, Lucio Cardoso, Agrippino Grieco, Josué Montello e Clarice Lispector, entre muitos outros, é evocado e objeto de sua reflexão ensaística, impondo-se como documentos preciosos de nossas memorialística e história cultural.

A vasta iconografia registra o percurso poético e literário, as viagens e a participação em numerosos festivais de poesia, graças à projeção e ao reconhecimento de sua obra no exterior. E ainda uma história de amor.

Na antologia poética Os sinos de Maceió, inserida neste livro, Lêdo Ivo celebra a sua cidade natal. Nela estão presentes o mar e os navios, o vento e as ruas tortas, o farol desaparecido e os caranguejos dos mangues, os morcegos e o mormaço, o porto e as lagunas. Como se lerá, essa visão obsessiva ilumina a sua criação poética.

 

Lêdo Ivo

Nasceu em Maceió, Alagoas, em 1924. Autor de As imaginações (1940–3), Ode e elegia (1944–5), Acontecimento do soneto (1946), Ode ao crepúsculo (1946), A jaula (1945–6), Ode à noite (1946), Cântico (1947–9), Ode equatorial (1950), Linguagem (1950–1), Um brasileiro em Paris (1953–4), O rei da Europa (1955). Magias (1955–60), Os amantes sonoros (1960), Estação central (1961–4), Finisterra (1965–72), O soldado raso (1973–86), A noite misteriosa (1973–82), Calabar (1985), Mar oceano (1983–7), Crepúsculo civil (1988–90), Curral de peixe (1991–5), O rumor da noite (1966–2000) e Plenilúnio (2001–4), reunidos em Poesia completa 1940–2004, publicado no Rio de Janeiro em 2004. Quatro anos depois, publicou pela Contra Capa Editora, com um conjunto de pinturas de seu filho Gonçalo Ivo, Réquiem, agraciado com o Prêmio Casa de Las Américas, Cuba, em 2009. No ano seguinte, recebeu o Prêmio Rosalía de Castro, do pen Clube da Galícia, e em 2011, o Prêmio Leteo, em León, ambos na Espanha. Nesse mesmo ano, publicou pela Contra Capa Editora O vento do mar, reunindo textos sobre a sua vida e o convívio com grandes figuras da literatura brasileira, uma antologia poética sobre sua cidade natal e vasta iconografia. Faleceu no dia 23 de dezembro de 2012, em Sevilha. Em 2013, a Contra Capa Editora publicou, acompanhado de uma série de 42 pinturas de Steven Alexander, Mormaço e, em 2016, A imaginária janela aberta, edição bilíngue ampliada de La imaginaria ventana abierta, coletânea de poemas traduzida e prefaciada por Carlos Montemayor em 1980, e Aurora, entremeado com 35 pinturas de Gonçalo Ivo. Além de várias edições em língua espanhola, seus livros têm sido traduzidos para o inglês, o francês, o italiano, o holandês, o dinamarquês, o sueco e o grego.

 

Sumário ¯      Apresentação ¯ 

R$ 79,00
Comprar Estoque: Disponível
Pague com
  • Pix
  • PagSeguro V2
Selos
  • Site Seguro

Contra Capa Livraria Ltda. - CNPJ: 68.575.083/0001-80 © Todos os direitos reservados. 2021


Para continuar, informe seu e-mail

Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência em nosso site. Para saber mais acesse nossa página de Política de Privacidade

Social